Gilmar Mendes: a maior vergonha do judiciário brasileiro

Da revista Veja:

A varredura a um dos endereços de Aécio Neves em Minas não mirou só no tucano. A Lava-Jato procurava informações sobre Gilmar Mendes.  Os agentes tinham ordens explícitas com o nome do ministro.

No grampo realizado nos números de telefone de Aécio Neves, o ministro Gilmar aparece em conversa com o senador tucano. Os dois falam sobre o projeto de lei sobre o abuso de autoridade.

Na transcrição dos diálogos, Aécio pede ajuda ao ministro para conquistar um voto na comissão do Senado que analisava o projeto.

Aliás, cabe a Gilmar Mendes, mais do que nunca, o destino a curto prazo de Michel Temer. Nada acontecerá no TSE, no dia 6 de junho, que não seja o desejo do ministro do STF.

Resultado de imagem para gilmar mendes

E dos comentários da notícia se extrai a percepção geral de que o ‘ministro’ não tem a mínima condição moral de continuar onde está:

Marly Camargo 27 maio 2017 – 12h49
Se não acharam nada,ainda vão achar.Afinal,a família do ministro vende bois para a JBS.

Jose Oliveira Martins 27 maio 2017 – 12h50
Será que teremos de ir de encontro as bandalheiras do STF “de armas nas mãos?????”. Caso afirmativo iremos e exterminaremos o restante que não exterminamos pós 1964. Iremos sim.

Gil Lúcio 27 maio 2017 – 12h58
Grampear presidente e Ministro???? Isso é coisa de bandido!!!

Waldemor Weick 27 maio 2017 – 13h02
Beiçola deveria ser SURRADO em praça pública até virar homem.

Wilson Pestano 27 maio 2017 – 13h11
Espero que o Gilmar Mendes vá de encontro a uma bala perdida o mais rápido possível

sergio 27 maio 2017 – 13h11
Só temos aberrações neste país, e é a causa do nosso eterno subdesenvolvimento. Temos que dar paulada na cabeça da jararaca, mas também em outras cobras.

Jurandir marques 27 maio 2017 – 13h18
No Brasil a coisa está tão feia que não temos autoridades políticas, cada qual mais “safado” e alheios à gravidade a qual o Brasil está passando, estão no “salve-se quem puder.” Acreditamos que “militares patriotas,” que de fato estão com o povo e responsáveis com os problemas brasileiros farão uma devassa nesses corruptos e lesas pátria.

Pablo Oliveira 27 maio 2017 – 13h18
Agora ficou ainda mais claro a disposição dele para rever a prisão após condenação em 2ª instância.

Ronaldo Magnavacca 27 maio 2017 – 13h18
Aí tem, bem que toda essa conversa fiada que Aecio tinha com Gilmar indica interesse mútuos. Aquele que fala muito dá bom dia a cavalo e o ministro foi pego com a boca na botija. Devagar os podres vão aparecendo e o sujo que fala do imundo começa a aparecer. O Senado deveria abrir investigação contra as atitudes dos ministros do Supremo, para ver quem realmente faz jus ao cargo .

vongratz 27 maio 2017 – 13h36
Gostaria de saber o seguinte: CADÊ A OAB???? Porque ainda não há pedidos de impeachment para ninguem do STF, QUANDO tOFFOLLI FOI ADV DO PT, E gILMAR TINHA A MULHER TRABALHANDO PRO ELKE MARAVILHO !!!!!

Democrata Cristão (Liberdade de Expressão é meu direito CF 88 art 5 e art 220) 27 maio 2017 – 11h51
PRECISAMOS DE LAVA JATO NO JUDICÁRIO, POIS NO JUDICÁRIO QUEREM MANTER O ESCANDALO DE SALÁRIOS ALTOS E DEMAIS BENESSES QUE NEM EM PAÍSES DESENVOLVIDOS É PERMITIDO.

Sérgio Pinto 27 maio 2017 – 11h51
Bem que poderiam encontrar algo contra o popotamo!!!!

JOSÉ ROBERTO DE LIMA MACHADO 27 maio 2017 – 11h58
Torna coerente determinadas “atitudes” e corrobora o que os brasileiros e chineses já sabiam.

Manoel da Silva Filho 27 maio 2017 – 12h11
Onde há fumaça, há fogo. Não duvido mais de nada nesse país.

Marcos MMachado 27 maio 2017 – 12h13
99% dos politicos e homens publicos brasileiros, politicamente falando, não valem as fezes que expelem!

Francisco Lemos 27 maio 2017 – 12h20
concordo com o Sr Jose Fares. O silencio dos outros ministros pode ate ser pior para o pais do que a imoralidade desses m&[email protected] fantasiados de juizes. Esse sujeito ja esta falando em mudar seu voto sobre prisao em segunda estancia. Claramente esta protegendo a si e a amigos bandidos.

Nero 27 maio 2017 – 12h24
Gilmar Mendes e um cancer do Judiciario, todos os seus atos merecem ser ivestigados: conversas intimas com Aecio, com Temer, suas criticas frequentes a Lava Jato, a Sergio Moro, a Deltan Dallagnol, alem de sua familia fornecer gado para a JBS e muitas outras falcatruas (alem de ser parente do Collor), quer dizer, o cara e mais sujo que pau de galinheiro (gostaria que ele me desmentisse ou processasse).

Nero 27 maio 2017 – 12h25
Concordo contigo, caro Marcos Machado, eu proponho que todos anulem seus votos.

marcelius 27 maio 2017 – 12h26
O único pedaco do STF COMPROMISSADO COM A MORAL E DECÊNCIA foi cortado e arremessado no Mar.

Gil Lúcio 27 maio 2017 – 12h48
Isso tem cheiro e sabor de Golpe feito por Janot e Frachin.

 

1 Comment

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*